19 de outubro de 2018
Descubra quanto de Mata Atlântica existe em você!

Paranaense grava álbum de música brasileira e americana em NY

Samuel em gravação, no Mozart Studio, com a pianista japonesa Tomoko Ohno. (Foto: Divulgação)

Um álbum com oito canções instrumentais será lançado no segundo semestre nos Estados Unidos e no Brasil pelo músico paranaense Samuel Martinelli. Aos 30 anos, o baterista vive em Nova York, onde faz mestrado em Estudo do Jazz. Suas composições misturam música brasileira e jazz e o álbum terá um lançamento especial em 2018 em Curitiba. A ideia é que o show tenha a presença de músicos que participaram da gravação.

Samuel nasceu em Toledo, mas foi em Curitiba que encontrou seu caminho artístico, frequentando a cena musical com nomes conhecidos, como o pianista Rodolfo Reichmann e o baixista acústico José Antonio Boldrini. Também tocou com Saul do Trompete e outros instrumentistas conhecidos.

Em Nova York, onde chegou em 2013 para quatro semanas como bolsista do Litchfield Jazz Camp, ele sai do conceituado Mozart Studio com oito músicas gravadas na companhia da premiada pianista japonesa Tomoko Ohno – que já se apresentou com a Dizzy Gillespie Big Band -, do baixista americano Marcus McLaurine e do trompetista brasileiro Claudio Roditi, indicado a dois Grammys.

A gravação coroa um período muito fértil na carreira do baterista. Somente no último ano e meio, ele se apresentou cerca de 150 vezes com cantores e grupos em diferentes projetos, na área metropolitana de Nova York, e em outros estados como Carolina do Norte, Indiana, Wisconsin, Washington DC e Connecticut.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta