25 de setembro de 2017
Descubra quanto de Mata Atlântica existe em você!

Gustavo Botogoski é pré-candidato a prefeito pelo PTB

O advogado e engenheiro agrônomo Gustavo Botogoski, que é natural de Araucária, é pré-candidato a prefeito do município pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). As bases de sua campanha apoiam-se em melhorias na saúde, educação e segurança, pois, de acordo com ele, estas foram as principais áreas que “pararam no tempo” em Araucária.

“É necessário mexer em toda a base, literalmente. Precisamos de uma reforma geral, a começar por um corte drástico de custos”, disse Gustavo, complementando que hoje há muitos gargalos no município. “Acredito que é melhor termos um posto de saúde que funcione integralmente e possa oferecer estrutura e qualidade à população, do que dois ou três funcionando pela metade ou menos”, afirmou.

O pré-candidato comparou Araucária à Campo Largo, pois a quantidade de habitantes é semelhante, porém a arrecadação de Campo Largo é menor e lá a máquina pública acontece de fato. “Não houve preparação e projeto para longo prazo na nossa cidade. Atualmente vivemos as consequências desta falta de planejamento”, ressaltou.

Sobre a retomada de desenvolvimento em Araucária, Gustavo destacou que esta não é uma ação tão rápida de ser perceber os resultados como na iniciativa privada. “Digo isso, porque apesar de acompanharmos diariamente não sabemos na realidade como as contas e os números estão. Poderemos ter surpresas desagradáveis, ainda mais do que imaginamos”, disse. Segundo ele, é preciso fazer um diagnóstico de forma ágil, colocar em pauta o que deve ser feito e tomar atitudes imediatas. “Acredito que em um mandato é possível fazer muita transformação, a nível que a população sinta tais mudanças. Precisamos estar atentos e realizar readaptações constantes, para acompanhar o desenvolvimento nacional”, enfatizou.

A respeito do funcionalismo municipal, o pré-candidato diz que, caso eleito, dialogará com os servidores públicos. “Ninguém quer ficar com um plano falido. É preciso conversar de forma limpa e abrir os problemas de forma transparente para tentar chegar em um ponto de equilíbrio”, falou.

Sobre a educação, Botogoski comentou sobre escola em tempo integral e central de merendas. Já sobre a questão da saúde, ele assegura que hoje há grande carência nesta área e que as “coisas foram acontecendo e não houve preocupação do gestor interferir para seu bom andamento”. “Araucária é uma cidade grande, e possui a fama de ser rica. Mas, para nós, enquanto cidadãos, o que parece é que vivemos em uma cidade pobre e abandonada”, comentou.

Como possui experiência devido à sua formação, Gustavo falou sobre o incentivo ao produtor rural e à qualificação da mão-de-obra oriunda da cidade. Quanto ao lazer e turismo local, o pré-candidato considera importante a evolução de espaços públicos que propiciem entretenimento, visto que hoje este segmento está esquecido pelo poder público, e ao desenvolvimento do turismo, que pode ser, também, um grande atrativo para empresários voltarem a investir no município.

Quando questionado sobre segurança, Gustavo afirmou que deve ser cobrado do Estado maior atuação da Polícia Militar, fato que acaba por fortalecer a Guarda Municipal. “Hoje temos um efetivo reduzido, promessas para a área da segurança pública não cumpridas, uma delegacia que recebeu durante os últimos anos verdadeiros ‘remendos’. Assim, a segurança desta cidade ficou para trás”, salientou.

Por fim, o pré-candidato entende que é preciso que exista integração e conversa com a toda a sociedade. “Às vezes, o que o gestor quer é asfaltar determinada rua. Mas, se for conversar com os moradores do local, a solicitação pode ser outra”, disse. Para Botogoski, o maior engano de um gestor é achar que sabe tudo.

CARREIRA PROFISSIONAL
Gustavo Botogoski formou-se em engenharia agronômica pela Universidade Federal do Paraná e também em direito na Uniandrade.

De 2001 a 2004 trabalhou na Secretaria Municipal de Agricultura. Em 2005 foi para a Secretaria de Planejamento e logo ingressou na Assistência Judiciária, departamento em que ficou até o ano de 2007.

Em 2008 atuou como Corregedor da Guarda Municipal, período em que trabalhou pela regularização do porte de arma no órgão.
De 2009 a 2015 foi Assessor Jurídico no Sindicato dos Servidores Públicos de Araucária.

Desde 2009 até hoje atua em seu escritório particular.

No âmbito político, Gustavo foi vice do candidato a prefeito Hissam nas eleições passadas.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta