27 de maio de 2018
Descubra quanto de Mata Atlântica existe em você!

Greve dos Servidores Públicos

Greve deve continuar por tempo indeterminado

A greve dos servidores públicos de Araucária teve início na manhã de ontem (30) com concentração em frente à Prefeitura. No período da tarde, servidores realizaram caminhadas pelas ruas do centro. No fim do dia, em assembleia, a deliberação foi pelo prosseguimento da greve por tempo indeterminado.

De acordo com o SIFAR, mais de mil trabalhadores aderiram aos atos no primeiro dia de greve. Ainda, conforme informações repassadas pela assessoria de imprensa do sindicato, “a comissão de negociação não foi recebida pela administração municipal e o andar em que fica o Secretário de Governo foi trancado para que os trabalhadores não tivessem acesso”.

A programação para a tarde de hoje consiste em mais uma caminhada que sairá da Prefeitura até o terminal rodoviário central.

BALANÇO
Segundo o SIFAR, no primeiro dia de greve mais de 90% dos CMEI’s ficaram total ou parcialmente fechados. O CSU e as unidades de saúde do Costeira e do Shangri-lá também ficaram totalmente fechados. O CAPS AD e o CAPS II tiveram mais de 95% de adesão dos servidores. Já os serviços de urgência e emergência da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) e do Pronto-Atendimento Infantil (PAI) estão mantidos com o número mínimo de funcionários, conforme a legislação.

Por outro lado, de acordo com informações repassadas pela Secretaria de Saúde, algumas unidades de saúde amanheceram ontem trancadas com cadeado e corrente, impedindo de trabalhar aqueles que não quiseram aderir a greve.

RUAS INTERDITADAS
A tenda dos grevistas hoje não está instalada na rua Pedro Druscz, e sim na rua Alfredo Parodi que está com um trecho bloqueado. Uma parte da rua Fernando Suckow e da travessa Frederico Basso também estão interditadas.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta